Casa, família, trabalho, academia, lazer, enfim, tudo o que faz parte da sua vida exige uma certa organização para que o as diversas tarefas não se atropelem e acabem se transformando em verdadeiros gatilhos para o estresse e a ansiedade. Mas por onde começar?

Diante de tantos afazeres e exigências nem sempre é fácil definir o que realmente importa e o que é ou não urgente de verdade. Se você sofre com o problema, conheça 5 dicas simples que ajudam a refletir sobre o seu dia a dia e a entender a melhor maneira de se organizar:

 

Como ser uma pessoa mais organizada

1. O primeiro passo e saber diferenciar urgência e importância. Apesar de parecerem similares, os conceitos não são idênticos e devem ser separados. Atividades importantes geram resultados de longo prazo, enquanto as urgentes exigem atenção e dedicação imediata e normalmente fazem parte de demandas externas. Entender a diferença já contribui para um melhor processo de organização por ajudar a identificar verdadeiras prioridades.

2. Reflita sobre o que é realmente importante para você, desde metas profissionais a desejos pessoais, como viagens, por exemplo, e, se acreditar ser necessário, faça uma lista de itens priorizando todas as suas metas.

3. Além de pensar no que gosta e deseja para o futuro, pare para refletir o que faz você se sentir mal para dar início a uma virada e mudança de rotina. O que você gostaria de mudar agora? A resposta pode ser um grande indicador do que é importante para você, sem que sequer saiba.

4. Se você admira um chefe, colega de trabalho, amigo ou familiar, procure entender os pontos que chamam a sua atenção e observe o que elas fazem para ter o destaque que tanto o impressiona. O ato de reflexão ajuda a traçar seus objetivos e planos para a carreira e vida pessoal.

5. Programe o tempo certo para alcançar seus objetivos e evite queimar etapas. Uma vez que você conseguiu determinar seus objetivos, analise cuidadosamente todos os processos envolvidos para saber quanto tempo eles vão exigir de você. Se necessário, reduza o número de metas iniciais e vá aos poucos para não perder o controle das atividades e ser atropelado pela falta de organização.

Fonte: Vix

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *